O famoso Project Stream é agora bem mais do que uma simples transmissão de jogos do servidor para teu computador, agora é a Stadia. O Project Stream foi testado em outubro do ano passado onde alguns utilizadores jogaram Assassin´s Creed Odyssey através do Chrome. O feedback foi positivo. 

Ontem a gigante americana mostrou o mesmo jogo a correr perfeitamente num Chromebook, no Pixel 3XL, no Pixel Slate e até num Chromecast. O objetivo é simplificar a experiência de jogo e eliminar o hardware desnecessário e conseguir jogar o mesmo jogo através de qualquer dispositivo.

Os jogos são transmitidos pelos Data Centers da Google, isto irá permitir maior estabilidade nas conexões e pouca latência nos jogos online. A empresa norte-americana anunciou parcerias também com a AMD e com várias empresas ligadas a este ramo. O Stadia tem uma capacidade de GPU de 10.7 teraflops, superior a qualquer consola do mercado, afirmou a Google. 

Os jogos vão correr a resoluções de Full HD, 4K ou até 8K a 60fps. Claro que isto depende do dispositivo onde estás a jogar. Este sistema é compatível com os periféricos normais (teclados, ratos, comandos) mas a empresa anunciou o seu próprio comando. Este comando tem um botão que te permite transmitir diretamente para o YouTube.

A Google referiu também a facilidade para os programadores na criação de jogos pois agora já não estão limitador ao hardware. Outra novidade é o Stadium Share, que irá permitir aos utilizadores partilhar o seu jogo mas também fazer desafios. Mas não acaba por aqui, o Crowd Play permite aos jogadores juntarem-se ao streamer numa experiência mais dinâmica. E até o Google Assistant será uma parte importante do Stadia, pois poderás utilizar a pesquisa direta para encontrar soluções para um jogo. 

Anúncios