Elon Musk, CEO da Tesla afirmou que a marca americana deverá lançar um carro sem volante nos próximos 2 anos. Durante o evento Autonomy Day que aconteceu esta semana a Tesla apresentou várias novidades, entre elas a possibilidade de conduzirmos de forma normal mas com o hardware necessário para que o carro seja totalmente autónomo.

Musk pretende que a sua frota da táxis chegue aos E.U.A. em 2020. Este será um serviço de transporte privado, semelhante aos táxis tradicionais, mas sem volante. Numa primeira fase, e por uma questão de transição, os volantes ainda permanecerão nos táxis, assim que as empresas reguladoras e responsáveis o permitam, os volantes serão retirados. Segundo o CEO serão os próprios passageiros que vão pedir para retirar os volantes visto que não é preciso fazer nada e os volantes são apensas acessórios.

Numa cidade pequena esta ideia, apesar de para qualquer cidade ser demasiado futurista, poderia funcionar. Mas grandes cidades em que o trânsito é tradição deixarmos que um computador se responsabilize por pessoas, mais do que futurista, é perigoso e estanho, pelo menos nos dias de hoje. Acredito que no futuro isso venha a acontecer mas não podemos apressar o tempo e apesar de adorar tecnologia, se implantarmos demasiado cedo tecnologias que não pertencem ao presente, essas mesmas tecnologias poderão depois ter consequências fatais. 

Anúncios